terça-feira, 21 de abril de 2015

Défice público da zona euro desce para 2,4% do PIB em 2014

O défice público da zona euro fixou-se em 2,4% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2014, abaixo dos 2,9% registados em 2013, divulgou hoje o Eurostat.
Também no total dos 28 países da União Europeia (UE), baixou o ano passado o rácio do défice público, de 3,2% para 2,9% do PIB.
O Eurostat divulgou hoje os dados sobre o défice público e a dívida pública da zona euro e da UE a partir dos dados comunicados pelos países ao abrigo da primeira notificação a Bruxelas, pelo que estes ainda podem vir a ser alvo de modificação pelo gabinete oficial de estatísticas.
Já quanto à dívida pública, esta aumentou no total
da zona euro em 2014, ao passar de 90,9% do final do ano de 2013 para 91,9% em dezembro, assim como na União Europeia, neste caso de 85,5% para 86,8%.
Por Estados-membros, em 2014, 12 países registaram défices orçamentais acima de 3% do PIB. Chipre teve o maior défice (-8,8%), seguido de Espanha (-5,8%), Croácia e Reino Unido (-5,7%), Eslovénia (-4,9%) e Portugal (-4,5%).
Também Irlanda (-4,1%), França (-4,0%), Grécia (-3,5%) e Bélgica, Polónia e Finlândia (-3,2% cada um) registaram défices orçamentais elevados.
Com défice, mas valores baixos, ficaram também Lituânia (-0,7%), Letónia (-1,4%) e Roménia (-1,5%) e apenas quatro países apresentaram excedentes orçamentais, sendo esses Dinamarca (1,2%), Alemanha (0,7%) e Estónia e Luxemburgo (ambos com 0,6%).

Fonte: Dinheiro Vivo

Sem comentários:

Publicar um comentário